Vamos falar sobre lixo

Como designer, nós não temos apenas o objetivo de achar ou criar soluções para os trabalhos que nos são propostos.

E não só nós designer, mas todos que são designers thinkers, nós devemos pensar no antes, o durante e o depois de todas as soluções que vamos apresentar ao longo dos projetos.

Ultimamente venho me aprofundando em questões de ambientalismo. Nosso mundo anda esgotado, cansado e sobrecarregado.

Muitas pessoas andam adotando medidas para um mundo melhor, mas ainda é pouco se formos botar em números.

Hoje mais cedo estava assistindo um documentário da Sessao Philos sobre o assunto, fiquei chocada com toda a informação que vi dentro de uma hora e meia, e digo a vocês que é pouco tempo para se tratar da situação atual.

Um dado deste documentário foi muito relevante, estamos sendo contaminados diariamente sobre dióxido, além de produzirmos este constantemente. Se exatamente agora, todas as toxinas do mundo fossem paradas de ser produzidas, TODAS, levaria seis gerações para que os níveis tóxicos não fossem sinalizados em análises químicas.

SEIS GERAÇÕES. Isso é muito… Uma geração atualmente está sendo considerada de trinta anos, seis gerações nos dá cento e oitenta anos para deixar o planeta em bom estado.

Que atitude ainda podemos tomar nos nossos dia-a-dia? Pense nisso

O que você deve saber da profissão?

Talento não é tudo
Talento é importante em qualquer profissão, mas também não é garantia de sucesso. Ser esforçado e sorte são fatores igualmente essenciais. Tenho dois professores muito bons que são um contrário do outro. Um deles é extremamente bom em desenho a mão livre, enquanto o outro é um desastre, porém tem um grande domínio em softwares!

Tem que ter paciência com a maior parte do trabalho 
Na faculdade pode parecer que todo o trabalho que o designer vai exercer é super show, mas na vida real, na maioria do tempo temos que mexer com papelada, rascunhar coisas chatas, entender o que o cliente está pedindo checar fatos, negociar, vender, juntar dinheiro, pagar taxas, e o que mais for necessário. Mas isso é algo que você encontrará em todos os ramos.

 Não pense demasiadamente num problema
Designers são obsessivos por natureza. Não tente prolongar ou complicar um problema quando você já tiver a solução. Pois geralmente os projetos são extensos e complexos. Faça como nas suas provas de ensino médio, comece pelas questões fáceis, as que você entende. Se terminou as questões, e ainda há tempo, volte para pontos onde você ficou inseguro e acha que consegue melhorar.

Ou seja, não importa o quão eficaz são suas habilidades diante de um computador, o quão brilhante é a sua escrita ou o quão bom você executa o seu trabalho, se você não conseguir vinculá-las o resultado ao que foi proposto, basicamente elas não existirão, elas não vão fazer diferença para este projeto, pois não atende as necessidades.

Não esqueça seu objetivo
É sempre empolgante começar um projeto novo, mas as vezes, na geração de ideias, se perde o foco, justamente pela animação. Já fiz muito dessa de me darem um caso-problema e eu conseguia achar umas soluções bem bacanas, mas ai quando ia rever o caso, não era o que estava sendo pedido.

Defenda suas idéias
Inovação e idéias brilhantes nunca são aceitas logo de cara. Para que elas sejam bem-sucedidas você terá que defendê-las e terá que dedicar grandes esforços. Mesmo se a proposta for rejeitada, você tentou! Se você acredita na excelência e na criatividade, na eficiência e da eficácia do seu trabalho, você só precisa fazer com que o cliente enxerque como você.

Não espere fazer tudo sozinho
Se você espera realizar algum projeto, você vai inevitavelmente precisar de outras pessoas, pois por mais autodidata que você seja, provavelmente não vai saber fazer todo o necessário para por seu projeto em prática. Alguém terá que construir ou manufaturar a peça para você. Alguém terá que assegurá-la. Alguém terá que comprá-la. Respeite todas essas pessoas, você precisa delas. É um ciclo.

Novidade: Há carne de dinossauro a venda nos supermercados da Alemanha!

bosch_dinossauro

A campanha publicitária dos novos freezers da bosch fizeram sucesso e trouxeram curiosidade as pessoas que frequentavam esses supermercados.

O ocorrido foi para divulgar sua nova tecnologia de refrigeração VitaFresh, e Bosch colocou em 24 supermercados da Alemanha, durante seis dias, em Junho de 201, imitações de carnes de dinossauros e outros animais pré-históricos, como mamutes e tigres dente-de-sabre. Cada embalagem, idêntica à qualquer outra que venda carnes comuns em um supermercado, continha o texto “Mantenha seus alimentos frescos por muito mais tempo. Congele com a tecnologia VitaFresh”, além de especificar a que animal pertencia à “carne”.

E ainda havia anúncios nos panfletos do estabelecimento e nos alto-falantes, de modo que os consumidores que estavam fazendo compras podiam ser surpreendidos com  o anúncio de uma oferta de carne de Pterodáctilo.

bosch_dino21

Ocorreu em cima dessa engenhosa tirada de marketing uma brincadeira de investigação sobre onde os supermercados teriam conseguido a tal carne de dinossauro;

“Em Sidney, Austrália, a polícia está investigando um supermercado que colocou carne de dinossauro na prateleira, para ser vendida

Por enquanto, a polícia trabalha com duas linhas de raciocínio: que a carne em questão é falsificada ou, que ainda existem dinossauros vivos e alguns empresários estão comercializando a sua carne secretamente.

O proprietário do supermercado não quis revelar como conseguiu a carne. Ao depor na polícia australiana o empresário disse que conseguiu a carne com o diretor de cinema Steven Spielberg, mas a polícia não caiu nesta versão.”

E parece que até a Friboi está envolvida no caso, e talvez isso seja caso de Greenpeace.

bosch_dino

http://www.ypsilon2.com/blog/publicidade/bosch-e-as-carnes-de-dinossauros-em-prateleiras-de-supermercados/

http://antenado.info/policia-investiga-como-um-supermercado-conseguiu-carne-de-dinossauro-para-vender/

Hey, você designer! Tem um curriculum ai?

Nós, sendo Designers, acabamos tendo uma maneira diferente de pensar e agir.

enhanced-31154-1405786560-1

É difícil de explicar, mas nós temos, cada um, um estilo, e queremos deixar nossas marcas e nossos pensamentos pelo mundo.

Porque então, não fazer isso com nossa apresentação formal à um emprego?!

enhanced-23996-1401813021-49

Vi um artigo no site da Catraca Livre falando sobre isso, que por sua vez, pegou referências do site Buzz Feed;

“Você não precisa ser um designer gráfico para ter um currículo diferenciado. Na hora de tentar uma vaga, um bom layout pode fazer a diferença.”

E inclusive, o site fornece alguns dos modelos pra você baixar gratuitamente e outros por baixo custo! (A minha pessoa, particularmente por dificuldade ou bug mesmo, não consegui baixar os gratuitos, os arquivos chegam zipados, mas quase nada dentro deles é compatível com o meu pc.)

1

2

3

4

5

https://catracalivre.com.br/geral/emprego-trabalho/indicacao/27-modelos-de-curriculo-para-voce-se-inspirar/

http://www.buzzfeed.com/peggy/impeccably-designed-resumes#.uuL39L7LN